Print this page
Câmara de Osasco rejeita contas de Jorge Lapas e ex-prefeito fica inelegível

Câmara de Osasco rejeita contas de Jorge Lapas e ex-prefeito fica inelegível Featured

 

Na tarde desta terça-feira (01/08), na primeira sessão ordinária após o recesso parlamentar, a Câmara Municipal de Osasco rejeitou as contas de 2013 do ex-prefeito Jorge Lapas (PDT). O placar foi de 12 votos a 7. Houve uma ausência e uma abstenção. Assim, a maioria dos vereadores votou de acordo com a recomendação do TCE (Tribunal de Contas do Estado), que apontou irregularidades nas contas do Lapas. Segundo o TCE, não houve a aplicação de 25% na Educação.

A sessão, sob o comando do dr. Lindoso, presidente da Casa, foi bastante concorrida. Havia muita expectativa a respeito da votação e o plenário da Câmara fiou lotado de correligionários do ex-prefeito. De acordo com a legislação vigente, com a rejeição de suas contas, Jorge Lapas fica inelegível por oito anos

Como os vereadores votaram:

Não: Pelé da Cândida, Ribamar, Ni da Pizzaria, Ralfi, Didi, Rogério Santos; Ricardo Silva; Daniel Mathias, Renato Bonin, De Paula, Claudio da Locadora e Toniolo.

Sim: Régia Sarmento, Tinha di Ferreira, Mario Guide; Jair Assaf, Josias da Juco, Batista Comunidade e Alex da Academia.

Ausência: Lúcia da Saúde

Abstenção: Dr. Lindoso

000

About Author